Matérias

POLÍCIA CIVIL APREENDE MAIS DE 100 MIL PEÇAS DE AUTOMÓVEIS PIRATEADAS

Recentemente, a Polícia Civil de Goiás apreendeu mais de 100 mil peças de automóveis falsificadas no Município de Itapuranga. Os produtos foram encontrados no galpão de uma fábrica de câmaras de ar após uma denúncia da Associação Brasileira de Combate à Falsificação. Foram apreendidos produtos de baixíssima qualidade como velas, lâmpadas e pastilhas de freio contrabandeados da China. Foi a maior apreensão de peças automotivas do ano no Brasil. A polícia descobriu que os falsários trocavam as embalagens chinesas por outras de marcas famosas, além de gravar as marcas conhecidas nas peças contrabandeadas. Em seguida as revendiam para vários estados do Brasil como se fossem originais. A mercadoria encontrada já estava pronta para ser distribuída. Foi constatado que esses produtos custam em média 30% do valor de um item original, mas com o esquema de falsificação elaborado, o consumidor é enganado e acaba pagando o preço de um produto legítimo. A pirataria no setor de peças de automóveis gera um prejuízo de R$ 8 bilhões por ano ao país, ficando atrás somente do contrabando de cigarros. Esta prática criminosa pode ocasionar o mau funcionamento dos veículos proporcionando sérios acidentes, afinal são peças de má qualidade, fabricadas fora dos padrões originais, que não garantem nenhuma segurança ao consumidor.   PRIMI TECNOLOGIA – UMA EMPRESA QUE PROTEGE SUA MARCA DA PIRATARIA Nós da Primi Tecnologia estamos à disposição dos fabricantes de peças originais para a proteção de sua marca. Somos referência no mercado na produção de impressos de segurança, fornecendo os mais avançados elementos antipirataria que existem. Oferecemos soluções definitivas para autenticação e rastreabilidade de peças automotivas como selos e lacres, sempre produzidos com tecnologia de ponta. Nossos produtos contém elementos exclusivos que inviabilizam qualquer reprodução fraudulenta, trazendo credibilidade e confiança para as suas peças, elevando a sua marca. A Primi Tecnologia…

Continue Reading

NOVAS LEIS DE PREVENÇÃO DE INCÊNDIO SÓ SURGEM APÓS GRANDES TRAGÉDIAS

Essa é uma realidade muito comum em nosso país. A motivação para a criação de novas leis para aprimorar o combate e prevenção de incêndios, só acontecem após a repercussão de grandes tragédias. Vejam abaixo alguns exemplos de incêndios em edificações que influenciaram na criação de novas leis, decretos ou aprimoramentos na legislação no combate e prevenção de incêndios em nosso país: Gran Circus Norte-Americano (Niterói/RJ, 17 de dezembro de 1961). Esta foi a maior tragédia relacionada a incêndio da história do Brasil, com 503 mortes e outras centenas de feridos. O incêndio foi proposital, causado como vingança por um ex-funcionário. O circo pegou fogo durante um espetáculo visto por 2,5 mil pessoas. Boa parte das vítimas eram crianças. Após esta tragédia, a cidade ficou proibida de receber outro circo por 14 anos. Depois de anos de discussão, novas lei de segurança contra incêndios no Estado do Rio de Janeiro foram implementadas. Edifício Andraus (São Paulo/SP, 24 de fevereiro de 1972). O Prédio comercial de 32 andares pegou fogo e teve sua estrutura abalada devido a várias explosões. Foram 16 mortos e 330 feridos. O incêndio começou no 4º pavimento, em virtude da grande quantidade de material inflamável estocado de forma irregular. Edifício Joelma (São Paulo/SP, 01 de fevereiro de 1974). Foi a tragédia mais lembrada do Brasil por décadas. 191 pessoas morreram e 300 ficaram feridas quando o edifício de 25 andares pegou fogo devido a um curto-circuito no sistema de ar-condicionado. O registro das caixas d’água, que poderiam ter contribuído para extinguir as chamas, estava fechado. Após esta tragédia foi criado o Decreto N. 10.878 com normas inovadoras para a segurança dos edifícios. Edifício Grande Avenida (São Paulo/SP, 14 de fevereiro de 1981). O incêndio se alastrou por quase todos os andares do prédio, deixando 17 mortos e…

Continue Reading

CUIDADO! ENFEITES COM LUZES NATALINAS PODEM SER PERIGOSOS

Com a chegada das festas de fim de ano é comum ver residências, lojas, empresas e vários outros estabelecimentos enfeitados com iluminação natalina. O tradicional pisca-pisca é um item essencial na decoração de Natal, mas este costume muitas vezes pode trazer perigos como choques elétricos, curtos-circuitos e até incêndios de grandes proporções. De acordo com o Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro), no Brasil, as luminárias natalinas são regulamentadas pela Portaria Inmetro Nº27/00. Elas devem atender aos requisitos obrigatórios informados em português (tensão, corrente, potência máxima do conjunto e o nome, marca ou logomarca do fabricante ou importador). Os produtos não podem apresentar material ferroso no condutor e os plugues devem atender ao padrão brasileiro (com pinos de 4 mm). Desta forma, o cuidado deve começar na hora de comprar da iluminação. O consumidor precisa certificar se o produto tem o selo do Inmetro porque, caso contrário, o produto não terá nenhuma garantia. Ao fazer a instalação do pisca-pisca, verifique se não há muitos outros produtos elétricos plugados simultaneamente na mesma tomada. Isso pode gerar uma sobrecarga de energia e causar curto-circuito. É importante também verificar se na fiação do pisca-pisca há emendas, fios soltos ou lâmpadas queimadas nas conexões. Existe um outro erro muito comum que poucos percebem: é exposição das luzes de Natal em ambientes com umidade. Isso pode resultar em choques elétricos, já que água e eletricidade não combinam. Se sua intenção é colocar pisca-pisca em um pinheiro ou outra árvore natural que tenha umidade, o ideal é que a iluminação seja conectada a um filtro de linha ideal. Este produto pode ajudar a amenizar os perigos de curtos. Também é recomendado nunca utilizar luzes elétricas numa árvore decorativa feita de metal. Este tipo de enfeite poderá ficar carregado com eletricidade por causa de luzes…

Continue Reading

Inteligência Artificial como Tecnologia de Segurança Fiduciária

Foi realizado em julho deste ano, no espaço de eventos da UNIVERSIDADE PRIMI, o seminário Inteligência Artificial como Tecnologia de Segurança Fiduciária. Foi um evento de sucesso que contou com a participação de diversos parceiros, fornecedores e convidados especiais, entre eles peritos do Instituto de Criminalística do Estado de São Paulo. Compareceram para aprimorar e compartilhar seus conhecimentos no desenvolvimento de pesquisas no campo da Criminalística, visando o aperfeiçoamento de técnicas e a criação de novos métodos de trabalho com as novas tecnologias disponíveis. Os palestrantes do evento salientaram a liderança da PRIMI TECNOLOGIA na integração das mais avançadas tecnologias do mercado em suas soluções de rastreabilidade confiável e autenticidade. Foram apresentados trabalhos de pesquisas, inteligência artificial, inovação em marcadores de rastreabilidade de alta segurança, novas tecnologias, cases relacionados ao mundo das fraudes e ainda experiências no combate ao crime, em especial aqueles ligados a segurança da informação impressa e digital. Um ambiente de interação que propiciou enriquecedora troca de conhecimentos com apresentação das novas tendências da tecnologia da segurança fiduciária. Foi destaque a apresentação dos mais avançados métodos de criação e design como elemento de alta segurança introduzido no passaporte dos EUA. Além de outros elementos de alta segurança, tais como: pigmentos únicos que propiciam o reconhecimento do DNA do produto, holografia de alta segurança destinada à cédulas e passaportes, substratos diferenciados, impressão de talho doce com design de altíssima segurança utilizado nos novos passaportes dos EUA, marcadores forenses, variações óticas, criptografias de alta segurança para trânsito de informações pela WEB, Entre outros processos especiais realizados pela PRIMI TECNOLOGIA e os demais participantes que anulam quaisquer tentativas de cópias ou adulterações. São elementos que permitem a identificação dos produtos com rastreabilidade confiável e altamente segura, tornando-os únicos assim como a biometria ou DNA de uma pessoa. A PRIMI TECNOLOGIA...

Continue Reading

PRIMI TECNOLOGIA – CAMPEÃ EM DESIGN & INOVAÇÃO NO 2º PRÊMIO PAULISTA LUIZ METZLER

Voltar para o Blog A Primi Tecnologia foi duas vezes vencedora na 2º Edição do Prêmio Paulista de Design Luiz Metzler. Este importante evento que foi realizado em 15 de Agosto de 2019, é uma iniciativa da conceituada Abigraf São Paulo que objetiva valorizar mais de 5000 indústrias do setor de tecnologia em design. A Primi mais uma vez teve seu reconhecimento no mercado e venceu nas duas categorias em que participou: Melhor Impressão de Segurança e Melhor Design e Inovação com o seu formidável e inovador Lacre de Segurança. O Prêmio Paulista Luiz Metzler se transformou em um verdadeiro marco pelo seu formato e por contemplar todos os segmentos do nosso setor. Inovação é a palavra-chave que se deve observar em uma empresa de design, tecnologia e segurança, esfera em que a Primi Tecnologia está a frente de seu tempo, superando desafios e proporcionando soluções transformadoras e magníficas em selos e lacres de segurança. LACRE DE SEGURANÇA PRIMI GARANTIA DE INVIOLABILIDADE E INTEGRIDADE Este revolucionário dispositivo de segurança da Primi é um lacre com tecnologia de ponta, conectado ao IOT. É um produto indelével e que proporciona altíssima proteção, pois garante a mesma durabilidade do produto e deixa fortes evidências em absolutamente qualquer tentativa de violação ou remoção, tanto química quanto mecânica, por aquecimento ou resfriamento. O lacre muda completamente de cor após qualquer violação. Este dispositivo tem ainda uma série de características únicas. São elementos seguros da mais alta tecnologia que tornam o lacre uma revolução sem precedentes no setor, cujo objetivo é garantir a inviolabilidade, integridade, rastreabilidade e autenticidade. As técnicas de segurança utilizadas neste lacre são recomendadas pela INTERPOL para identificação de documentos como passaportes e diversas cédulas de dinheiro em todo o mundo, inclusive o franco suíço. Outro detalhe importante aplicado neste dispositivo é a...

Continue Reading

IOT – INTERNET DAS COISAS

REVOLUCIONANDO A NOSSA RELAÇÃO COM A TECNOLOGIA Voltar para o Blog A Internet das Coisas, também conhecida como IoT (proveniente do termo em inglês Internet of Things) está transformando nossa relação com a tecnologia, mudando o modo como interagimos com o mundo e, principalmente, o modo como o mundo interage conosco. A Internet das Coisas é a comunicação realizada de máquina para máquina via internet. Essa interação compartilha dados e informações essenciais para o melhor funcionamento, rastreabilidade, conferência e organização de praticamente qualquer produto: carros, geladeiras, micro-ondas, trens, aviões, embalagens, relógios, pulseiras, entre outros milhares de artefatos. A conexão entre as máquinas permite expandir as formas de utilização, trazendo mais praticidade e aperfeiçoando a nossa relação com a tecnologia. Explicando de uma forma mais simples, Internet das Coisas é o modo como os objetos físicos estão conectados e se comunicando entre si e com o usuário, através de sensores inteligentes e softwares que transmitem dados para uma rede, ou seja, a união via internet de tudo que é passível de conexão. Como se fosse um grande sistema nervoso que possibilita a troca de informações entre dois ou mais pontos. O resultado disso é um planeta mais inteligente e responsivo. IoT já é uma realidade constante em nossas vidas, mas suas possibilidades são infinitas. Esta tecnologia vai crescer muito além do que já vemos em nosso dia-a-dia. Desde 2017, existem mais objetos na internet do que a população mundial (cerca de 7,7 bilhões de pessoas), e estima-se que em 2020, 12 bilhões de dispositivos estejam conectados à IoT, o que demonstra a importância de se refletir sobre esse processo. A verdade é que a Internet das Coisas possibilita e otimiza inúmeras oportunidades e conexões, muitas das quais não conseguimos imaginar nem entender completamente seu impacto nos dias de hoje. A IoT...

Continue Reading

Comércio de Produtos Ilegais – Um problema que preocupa o Brasil e o mundo

Voltar para o Blog O comércio de produtos ilegais é uma realidade frequente em todo o mundo. As transações financeiras de artigos falsificados, piratas, contrabandeados, entre outros, é um fato generalizado que causa prejuízos enormes para os fabricantes e muitas vezes também para os lojistas e consumidores em geral. Esse tipo de comércio é uma verdadeira violação de direitos autorias ou sobre registro de marca, mas é uma prática muito comum por trazer lucro fácil para comerciantes ilegais. Estes produtos não passam por fiscalizações, são quase sempre de baixa qualidade fazendo com que seu preço seja mais acessível, o que os tornam mais atrativos para os consumidores. Mas basta um pouco de reflexão para entender o quanto essa prática é prejudicial para toda a sociedade. Bebidas alcoólicas falsificadas, por exemplo, podem conter substâncias como iodo, álcool etílico e metanol, fabricadas sem qualquer padrão de qualidade ou critério de higiene e armazenadas em locais impróprios. O mercado automotivo brasileiro estima prejuízos bilionários a cada ano com peças falsificadas ou remanufaturadas de forma incorreta, o que pode proporcionar um mau funcionamento do veículo, trazer danos irreversíveis ao automóvel, além de comprometer a segurança dos motoristas e passageiros. Uma boa parte dos produtos eletrônicos disponíveis no mercado, principalmente os de preços mais acessíveis que estão a venda nas regiões de comércio popular, são falsificados e não podem ter a garantia real de pleno funcionamento e a assistência técnica que os fabricantes originais proporcionam. Infelizmente, o Brasil é um dos maiores mercados consumidores de produtos piratas no mundo, embora não se destaque tanto na produção dos mesmos. Os produtos piratas aqui consumidos geralmente provêm da China e de outros países, especialmente do leste asiático. Segundo a HP, 7% do comércio mundial de toners para impressoras são de peças falsificadas ou pirateadas. Relativo aos produtos...

Continue Reading

START UP – DESAFIO DAS ESCOLAS

Voltar para o Blog Em breve a Primi Tecnologia, juntamente com seu espaço para treinamentos e interação, a Universidade Primi, realizará um evento em que todas as escolas da região poderão participar: START UP - DESAFIO DAS ESCOLAS é uma competição em que os estudantes criativos terão a oportunidade de expor suas ideias e projetos, mostrando suas vocações empreendedoras para o mundo dos negócios. Será um evento onde todos poderão ensinar e aprender. Os alunos poderão mostrar seus projetos para qualquer tipo de solução ou inovação tecnológica que poderão um dia ser úteis para todos. Não é necessário já ter um projeto totalmente desenvolvido. Queremos ver as propostas dos estudantes, suas ideias e argumentos, para assim verificarmos o quanto esses conceitos podem se tornar um modelo de negócio interessante, inovador e favorável para a sociedade. O propósito da Primi Tecnologia é trazer o movimento das startups para o ambiente escolar. É estimular o pensamento empreendedor nos jovens, ajudar a abrir as suas mentes, compartilhar conceitos e experiências, afinal as startups configuram como uma das opções de negócio mais procurada pelos jovens. O ambiente descontraído e inovador, a liberdade para criar e impactar nas estratégias, e a possibilidade de uma ascensão profissional mais rápida são algumas das características das startups que atraem a atenção dos jovens. Mas afinal, o que é uma startup? Startup é a designação dada para uma empresa de fase inicial que desenvolve produtos ou serviços inovadores com um alto potencial de receptividade no mercado. Um dos principais objetivos é crescer em ritmo rápido, conquistando o mercado através da criação de algo novo ou otimização de um serviço ou produto já existente. A internet revolucionou tudo: a forma como nos comunicamos, o jeito de organizar nosso dia a dia, a maneira como consumimos e fazemos negócios. Antes, a...

Continue Reading

CUIDADO COM OS QR CODES FALSOS

Voltar para o Blog Os selos de identificação via QR Code não são mais considerados uma forma totalmente segura de elemento de segurança, rastreabilidade e acessibilidade digital. Estes selos podem ser facilmente adulterados, falsificados, copiados e reproduzidos em larga escala, dificultando muito a identificação da fraude. Para melhor entendimento, vamos saber um pouco mais sobre essa tecnologia tão comum hoje em dia: O QR Code é um símbolo bidimensional (2-D), criado em 1994 pela empresa Japonesa Denso-Wave com o principal objetivo de ser um código rapidamente interpretado pelos equipamentos de leitura. O QR Code ou Quick Response Code pode conter informação tanto na vertical, bem como na horizontal, daí o termo bidimensional. Devido a esta característica os códigos QR possibilitam armazenar centenas de vezes mais dados que os tradicionais códigos de barras. Estas informações podem ser facilmente lidas através de um leitor QR instalado no seu tablet ou smartphone. Os QR Codes são de uso livre e utilizados por inúmeras organizações e empresas nos mais diversos setores de atividade. O tipo de informação embutida pode ser tão diversa como texto simples, URL, mensagens SMS, detalhes de contato vCard, endereços de e-mail e muito mais. Passado algum tempo, as empresas começaram a explorar novas formas de utilização dos QR Codes e o seu uso comercial generalizou-se em várias partes do mundo. Dada a facilidade de utilização dos leitores de QR Codes nos smartphones, é bastante simples descodificar e converter um código QR num endereço web e redirecionar o utilizador para autenticações, validações, campanhas publicitárias, perfis de empresas em redes sociais, etc. A simplicidade que as empresas tem em gerar os QR Codes e utilizá-los como uma solução de autenticação e rastreabilidade comum é o que facilita a ação dos cibercriminosos. Esta técnica é aplicada nos produtos ou em seus selos através...

Continue Reading

C.S.I Brasil

Voltar para o Blog V Seminário C.S.I Brasil – Pesquisa, Inteligência, Inovação e Tecnologia no Combate ao Crime O C.S.I Brasil é um evento exclusivo para peritos do Instituto de Criminalística, com o intuito de disseminar conhecimentos técnicos para contribuir com o combate às ações fraudulentas, nas diversas modalidades. Neste evento são apresentados trabalhos de pesquisas, inteligência, inovação, novas tecnologias, e as experiências dos agentes públicos no combate ao crime e, cases relacionados ao mundo das fraudes, em especial aqueles ligados a segurança da informação impressa e digital.   PRIMI TECNOLOGIA Participando como palestrante a Primi apresentou uma solução de alta segurança para rastreabilidade e identificação de produtos. Diferente dos tradicionais códigos de barras, a solução desenvolvida pela Primi torna os produtos únicos, assim como as pessoas. Esta tecnologia inovadora surpreendeu com seu potencial inegável especialmente devido ao crescimento da pirataria, reproduções não autorizadas e adulteração de produtos e documentos

Primi - 2018 © Todos os Direitos Reservados
Desenvolvido por Rede Digital.